ANTT libera calendário de renovação do Registro Nacional de Transportes

A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) divulgou o calendário para atualização dos dados cadastrais do RNTRC (veja abaixo) conforme exige a resolução n° 5.982/2022. Trata-se do Registro Nacional de Transportes Terrestres de Carga, que regula a atividade de transporte no Brasil. Conforme a ANTT, os transportadores que não fizerem a revalidação ordinária até a data prevista terão seus registros suspensos. Assim, não estarão aptos a realizar o transporte remunerado de cargas.

LEIA MAIS
Sistema eletrônico ‘Big Brother’ puxa orelha de caminhoneiro desatento
Anfir projeta alta na venda de implementos; veja os mais emplacados
Caminhão a hidrogênio: GWM mostrará sistema em evento em SP

Seja como for, os transportadores das categorias Transportador Autônomo de Cargas (TAC), Empresa de Transporte de Cargas (ETC) e Cooperativa de Transporte de Cargas (CTC) que estejam com o registro na situação “ativo”, “pendente” ou “suspenso” deverão observar os procedimentos da revalidação. Ou seja, para saber se o transportador deve realizar o procedimento, basta fazer a pesquisa no site Consulta Pública.

Calendário de revalidação ordinária

  • Cooperativa de Transporte de Carga (CTC) – De 27/03/2023 até 21/01/2024
  • Empresa de Transporte de Carga (ETC) – De 02/05/2023 até 26/02/2024
  • Transportador Autônomo de Carga (TAC) – De 27/05/2023 até 22/03/2024

Cuidado com golpes

RNTRC é obrigatório desde 2009 tanto para empresas transportadoras quanto para motoristas autônomos. De acordo com a ANTT, o registro é uma forma de regular a atividade de transporte no Brasil. Conforme a agência, com o documento a ideia é “disciplinar os profissionais padronizando as condutas para garantir que transportadores ilegais não prejudiquem o mercado”.

Além disso, o registro visa proteger os embarcadores e outros clientes que precisam contratar um transportador. Com o documento, é possível ter a garantia de que o prestador de serviço cumpre os requisitos básicos exigidos pela categoria. De acordo com a ANTT, a inscrição no RNTRC é grátis. Porém, não é raro que entidades conveniadas cobrem pela prestação do serviço.

Seja como for, o processo pode ser feito diretamente pelo transportador, no site do RNTRC Digital. Além disso, com o RNTRC há mais chance de o caminhoneiro fechar contratos de frete. Além disso, o prestador de serviço que não estiver com o registro ativo fica sujeito a multas. Bem como tem acesso reduzido à contratação de seguro.

A ANTT não entra em contato para avisar sobre a situação do RNTRC nem de caminhoneiros e nem de transportadoras. Portanto, se isso acontecer, há um grande risco de se tratar de tentativa de golpe.

Siga o Estradão no Instagram!

Fonte e Artigo Original Clica Aquí No estradao.estadao.com.br

Rolar Para Cima